sexta-feira, 29 de junho de 2012

Eurocopa 2012 parte II:Italianos e sua implicancia"Afinal Mario Balotelli é italiano ou nao?"


                                        Mensagem racista contra o jogador Mario Balotelli


Apos a vitoria da Italia contra a Alemanha em um jogo que até achei bonito o que mais notei foi como italianos sao como Maria Vai com as outras e o quanto nao tem honra(nesse caso,ainda bem) em suas opinioes ou sao tendenciosos.

Um dos grandes responsaveis pela campanha da Italia na Eurocopa 2012 é o jogador de futebol Mario Balotelli. Um garoto novo,com talento ao tratar a bola e hoje esta sendo ovacionado pelos torcedores da terra da bota,que também gostam de futebol como tantos outros povos pelo planeta(viu,mulheres deslumbradas que criam desculpa para correr atras de homem estrangeiro????).

Mas aqui entra uma contradiçao do povo italiano que tanto fala mas pouco faz.O hoje amado e italianissimo Mario Balotelli,em contraste,em um passado nao muito distante era o "extracomunitario" ou o "negro de m****".Sim. Muitos, e digo muitos nao consideravam  e nao consideram Mario Balotelli,como italiano por ser de origem africana e ter a pele negra.Racismo e preconceito modernos na terra da bota latentes como a parte de um iceberg submerso,aonde as frases e atitudes coletivas observadas por olhos perspicazes deixam clara a mensagem.

Claro,nem todo pais considera quem nasceu nele como conacional.Mas o engraçado é que aqui o jogador nasceu no lugar,fala o idioma local,tem habitos locais,com familia que ja ha um bom tempo mora aqui,jogava na seleçao nacional,nos principais times da Italia e o povo italiano,orgulhoso,racista e preconceituoso como so ele,nao o considerava italiano e muito ainda hoje nao o consideram,fazendo piadas em jornais, como essa,o insultando de macaco,etc e etc.

Mas basta começar a fazer gols e colocar a seleçao italiana na final,que todos o amam desde criançinha.E gritam:viva  a Italia.Mas se nao rolar gol,volta a ser o extracomunitario,o africano,etc etc.

Essa implicancia com Balotelli é antiga. Sabe-se que quase como todo jogador, é um cara com ego grande e com sindrome de Peter Pan.Enquanto uns jogadores fazem festas com prostitutas aqui na Italia e correm atras de atriz porno(como politicos) como a atriz porno comenta na entrevista( e voce no Brasil pensavam que fosse diferente),Balotelli parece ser piromaniaco,adora ostentar(assim como muitos jogadores brancos italianos),tem Marias Chuteira querendo fama e $$ dele,etc.Ou seja,tudo normal nesse meio"nobre" do futebol.Procurem por Elena Grimaldi (atriz porno)e i calciatori(jogadores de futebol na internet).Baixaria aonde a atriz porno conta sobre jogadores e politicos.

Porém,ele por ser negro,por ter uma familia de origem africana,entre outras coisas sempre foi mais visado.Outros jogadores brancos italianos fazem o que ele faz também em baixarias.Mas por serem os locais sao vistos como os que se divertem,os excentricos,etb.Ja Balotelli sempre foi visto injustamente como o"extracomunitario" que nao sabe se comportar direito.Aquela coisa bem italiana,dois pesos iguais,medida diferentes.

Jornal italiano com mensagem racista chama Balotelli de Gorila.As sempre "inofensivas brincadeirinhas"italianas sem "maldade"..(e sem educaçao,respeito e senso comum também)

Muitos brasileiros de origem africana irao ser solidarios com Balotelli por penseram no menino negro coitado que sofre preconceito.Bem,eu nao sou solidario com Balotelli por ser negro,vermelho,rosa,etc.Sou solidario com ele por fazer o seu trabalho bem e mostrar que talento deve ser valorizado.Sou solidario com ele por mostrar ao mundo essa falsa educaçao italiana de dizer "bom apetite" nas refeiçoes mas ficar fazendo picuinha ou fofoca pelas costas por voce ser estrangeiro, o famoso extracomunitario, o que nasceu diferente ou de outro lugar.E tudo isso de um povo que migrou e sofreu racismo também.Mas que tem o nariz empinado e a pompa de "nobres".

Sou branco,brasileiro e sou solidario com ele pois ele golpeia a hipocrisia maria vai com as outras italiana.Nao defendo descendentes quer sejam de italianos,negros,alemaes,indios,etc.Sou brasileiro e meu povo,graças a Deus é multiétnico.E defendo quem defende o Brasil e as coisas boas do meu pais,independente de cor ou credo.E Balotelli,hoje fazendo gols mostra o quanto infeliz e hipocrita é um povo que da o tapa e esconde a mao e se faz calar ao talento de quem sabe jogar futebol. Mas eu nao duvido mudarem de idéia se a Italia perder a final ou Balotelli errar algo.

Italianos,sempre tentando maquiar as coisas.Sempre a comportarem-se como todos,como a plebe mas pensando ser nobreza.(Obviamente nao todos,mas a maioria...)

PS:E olhem que italianos sofreram racismo pra caramba,mas hoje tem essa pompa toda!
PS2:Por esses dias,Paolo di Canio,ex-jogador lendario da Lazio e publicamente admirador do fascismo e de Mussolini,deu a declaraçao que Balotelli merecia uns tapas.Tais pessoas sao racistas e xenofobas com quem nao é italiano,independente da cor da pele.Bem,seria isso porque a Italia nao venceu?Ou porque Balotelli é diferente dele?Balotelli é um moleque grande,mimado,como qualquer outro jogador,mas porque ele merece ser punido enquanto outros italianos nao??So para lembrar,independente do seu motivo,Balotelli marcou gols essencias para a Italia chegar na final.Sem ele..seria pior.

37 comentários:

  1. A verdade queima.29 de junho de 2012 18:20

    "Mas aqui entra uma contradiçao do povo italiano que tanto fala mas pouco faz"


    ahahahahahahahahahahahhahahaha

    Essa è a sua melhor besteira,sobre tudo vindo da um brasileiro,que deveria saber que seu povo.. nao fala e nao faz nada.

    Gostou?
    Se quiser tenho muitas outras coisas para falar e,como voce' genralizar e culpar todos voces brasileiros da merda que aconte@ no vosso Pais.
    Mas eu nao o faço, e sabe porque?
    Porque nao sou un finto-racista com complexo de inferioridade como voce'.
    No Brasil os pretos viram branquissimos quando jogam bem futebol,e quando tem dinheiro,se nao.. eles sao invisiveis,ate' quando viram alvo das armas dos policiais ,pretos, que os executam na maior alegria do povo.
    Druida, para de buscar defeitos non italianos, que sao muitos,e comença a se olhar no espelho.
    E.. volta a morar no Brasil e depois escreva aqui a saudade que vai ter da Italia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. @Verdade queima

      Bem, eu nunca disse que o Brasil é o paraiso e nao temos contradiçoes :)A diferença é que antes o brasileiro via-se como inferior,hoje nao meu caro.E se voce sabe sobre os nossos problemas(que aqui nunca negamos ter)esta na hora de descer do seu pedestal e ver o que alguns de voces negam:problemas como qualquer outro lugar mas ainda vivem nessa pompa,de imagem e nada mais.E unica coisa que mostro aqui sao coisas boas do Brasil e quando tiver de criticar,o faço sempre.

      Nao,meu caro,nao somos finto racistas.Nao tenho complexo de inferioridade.Somente descrevo o que vejo ao meu redor na vossa sociedade.FATOS :)

      Quanto as pessoas negras eu sei que racismo existe entre brancos x negros e vice-versa.E muito deve ser feito para acabar com isso.Sei de casos no Brasil igualmente,mas voce se engana.No Brasil,negros nao sao mal vistos por serem negros em sua maioria.Muito negros sao bem vistos e tratados,desde pedreiros, médicos,jogadores ou o que for.Acontece na verdade um preconceito mais social.Nao é incomum nas escolas as crianças terem as mais diversas origens....Ficar com a mentalidade do vosso purismo no Brasil é idiotice.

      O que demonstro aqui é a contradiçao de um povo e sociedade sobre um jogador que luta por voces em campo mas voces ainda o desprezam.Nao gosto do jogador por ser ser arrogante,infantil mas dai a nao considera-lo italiano e negar a mentalidade racista da maioria do povo tem uma grande diferença

      Excluir
    2. Completando,moramos aonde queremos e temos possibilidade.Voce nao paga as nossas contas.Se sua mentalidade vale para mim,vale para todos.Busque os italianos que moram nos EUA,na Inglaterra,na Suiça,na Australia,no Brasil,etc mas ficam chorando por coisas importantes como"a falta de pizza italiana,tomate italiano",etc.

      Excluir
    3. a verdade queima7 de julho de 2012 01:38

      Te conviedei a pensar de voce' morar no Brasil e assim sentir saudade da Italia.
      O que voce' faz aqui e' a generaliza@ao mais barata , acobertada da uma sociologia ainda mais barata,sendo que voce' continua atribuindo a todos os italianos o racismo que voce' encontra em alguem.
      Isso ofende a inteligencia.
      E galar do "nosso" purismo è veramente uma tua idiotice,porque', primeiro vocè esta generalizando una invençao tua,e nada giustificaria isso,em nehum lugar.
      Segundo, nao sei se voce' conhece um pouco de Historia, mas a Italia tem uma miscegenaçao de raças ate' maior do Brasil.
      Voce' insiste com essa historia de italianos racistas e que se acham e assim se demostra exatamente come "estes" italianos.
      Minha mentalidade vale para voce'?
      E de graça, qual seria a minha mentalidade,aquela que deveria valer para todo mundo?
      Se exerga meu amigo, que eu nao chorei nunca para falta de pizza italiana no Brasil,mas posso te fazer mil exemplos de Brasileiros chorando para fejao e arroz, grande prato de alta culinaria,nao è?
      Pegando un exemplo negativo voce' o attribue a todos os italianos, eu acho que voce' è um infeliz, e quando falo "volta para o Brasil e depoi escreva a saudade que tem da Italia o faço para te lembrar a situaçao social brasileira, onde voce' com seu trabalho tao util e necesarrio a sociedade, nao seria considerado nada,
      E ganharia nada.
      So' para falar da situaçao de trabalho.
      E nao continuo,porque nao tenho vontade e tempo para continuar no seu joguinho de denigrar uma populaçao inteira com essa ladainha de racismo,bla bla bla.
      Gosta tanto do Brasil?
      Volte e lute para melhorarlo,mas nao fique ai a rotular todos os italianos de racistas.

      Excluir
  2. Queria ver algumitaliano branco fazer oque o Balotelli fez

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é racismo,nao é?

      Excluir
    2. Negro,branco,indio ou amarelo poderia fazer o que Balotelli fez.O que relato é ele ser taxado,mal visto por ter outra origem mas ao fazer gols virar italiano de 30 geraçoes passadas.Ao perder gols,volta ao ser mal visto.

      E isso por um povo que migrou pelo mundo todo....algo bem estranho.

      Excluir
  3. A Italia é o único time que ficou campeão só empatando na copa de 2006

    ResponderExcluir
  4. E as leis italianas contra o racismo? Existem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a Verdade Queima7 de julho de 2012 01:56

      Perguntalo para o dono do Blog, que sabe tudo sobre a Italia e os italianos.

      Excluir
  5. Viva a Italia,melhor país do mundo

    Viva o Brasil,pior país do mundo

    país de fracassados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas que nunca foi invadido como a Italia foi tantas vezes

      Excluir
    2. Vicente Yanez Pinzon7 de julho de 2012 01:53

      A o Brasil bastou ser invadido uma vez,ta' certo.

      Excluir
    3. Espanha foi invadida pela França, Inglaterra(até hoje sofre ocupação em Gibraltar), Argentina expoliada pela Inglaterra... mas o Brasil só cresceu desde 1822, álias o Brasil não foi invadido, foi colonizado

      Excluir
    4. Vai contar isso a os milhoes de indios mortos pelos colonizadores.
      Eles eram os verdadeiros brasileiros.
      E,alem disso, os Holandes e Franceses que foram fazer no Brasil, passar ferias?
      Acorda!

      Excluir
  6. Sobre a última frase, é verdade, um exemplo foi nos EUA quando eles começaram a imigrar para lá e não eram bem visto. Inclusive fiquei surpresa ao saber que alguns brancos norte-americanos nem consideram os italianos brancos.
    Fernanda.

    ResponderExcluir
  7. ¨ Seja bem vindo e volte sempre para postar.Seja educado que as pessoas serao educadas com voce.Manifestos racistas e xenofobos nao serao bem recebidos.Argumente com fatos e aprenda a aceitar a opiniao dos outros.Somos diferentes e a graça é essa.¨

    Acho que as regras do site,ninguém leu, né??? Que grande perda de tempo útil de vida, meu deus, racismo, xenofobia,bairrismo ou o que seja...a vida é curta, por isso, curta a vida e ajude os outros à curtirem também, numa boa, , vai ver que fazer o bem faz bem !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara Ingrid hippie

      Repito o seu primeiro paragrafo.

      Nao,aqui nao estimulamos o racismo ou somos xenofobos e nem somos bairristas.Voce deve estar confundindo com os blogs de italianos que moram no Brasil e descrevem o Brasil como o inferno,nosss habitos culturais como inferiores e um bairrismo exagerado por nao termos pizza e pasta como a deles.

      Isso sem falar no que é verdadeiramente racismo...Basta ler os posts sobre extracomunitario e racismo.Voce vera quem é quem...

      Sua frase hippie mostra que voce provavelmente nao leia os jornais"por nao fazer bem e atrair energia positiva",quem sabe uma fuga da realidade???

      Esse blog so descreve coisas reais e sem intençoes de turismo e hippies de conveniencia que pensam "luz,estrelas e energia positiva"..

      Bem humorados,positivos sempre mas nunca hippies covardes que maquiam a realidade.

      Excluir
    2. Agora tambem rotulando os Hippies, de covardes?

      Nossa , voce' è muito infeliz.

      O nao?

      Se descreva

      O que voce' è, alem de bem humorado, positivo, sincero, nao racista, intelligente, esperto, bonoito, atletico, realista, unico observador da realidade.. etc,etc..??

      Excluir
    3. Toda a verdade, se quiserem saber vejam o relato do seu Jorge no youtube:

      Seu Jorge racismo na Italia

      Excluir
  8. AH QUANTA COISA COMOVENTE, E O POVO ACREDITA.... TEM AI 30% DE VERDADE O RESTO É TENTATIVA DE MUDAR A CABEÇA DO BRASILEIRO, TUDO OK, ACHO LEGAL A INTENÇÃO DO BLOG, MAS ESTÁ EXAGERADO, ''NAZIZ'' MELHOR COMPARANDO. Poderia fazer isso sem ofender uma nação e exagerar nas comparações, o balotelli é sim super bagunceiro, mais do que os outros jogadores, sobre ele ser italiano eu confesso que há preconceito, moro no Brasil há 20 anos e sou italiano e vejo preconceito aqui da mesma forma, os pessoas do sul contra os do nordeste, e assim vai.
    Sobre a mulher brasiliana, posso dizer que é um absurdo dizer que nos italianos pensam que todas são prostitutas, ao contrário admiramos a mulher brasileira, são lindas, meigas e não há mulher melhor no mundo na questão de carinho, amor e realização familiar, sou apaixonado pela mulher brasiliana e meus amigos também. Agora generalizar a ponto de fazer os brasileiros pensar que os italianos são um monstro, mostra que o preconceito está com você, eu nunca falei mal de onde eu tiro o fruto, trabalho no Brasil e sempre falei bem daqui e amo, agora pelo visto você está na Itália e tira seus fruto ai, mas fala mal, lamentável.

    ResponderExcluir
  9. Esse blog reclama do racismo do Italianos, mas os donos do blog são brasileiros que foram para a Itália, e mesmo ganhando a vida lá, ainda vem aqui falar mal daquele país. Isso não faz sentido, pois estão agindo também com preconceito, e preconceito contra o país que os acolheu. Esse blog é tolo. A mim, parece que os criadores acreditavam na Itália dos filmes e quando perceberam que a realidade não era a mesma, ficaram "bravinhos". Por que foram para a Itália? Será que já não tinham preconceito contra o Brasil, e por isso foram embora?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A idéia do nosso blog era falar sobre coisas de cultura,etc.Mas mudamos ao vermos alguns locais da terra da bota no Brasil sentarem a boca no nosso pais(até nas coisas boas e diferenças culturais e todo mundo ficar em silencio,ainda bajulando esses caras).

      Assim,a linha do blog mudou.A Italia tem coisa legal?Claro que tem.Mas se eles falam dos podres do Brasil e de qualquer lugar do mundo para tirar onda e dizerem ser primeiro mundo,existe o blog verdadeira italia para desmascarar esse povo.

      Nunca fomos cegos aqui e SEMPRE afirmamos que o Brasil tem os seus problemas,mas a Italia também tem.Nao se enganem os brasileiros deslumbrados que aqui é aquela parte da Europa que tudo funciona.

      Nao somos preconceituosos com europeus.Somos bem tranquilos(eu e a minha esposa).Mas nao iremos nos omitir e ficar babando ovo de turista sexual,putanheiro,em crise que vai ao Brasil tira onda de nobre.Isso é ma fé.

      Para quem fala que trabalhamos e migramos aqui e criticamos:bem,pagamos impostos entao nossa critica é justa.E os estrangeiros que moram ai no Brasil,falam besteiras muitas vezes e voces ficam babando ovo sem conhecer o pais deles ou a turismo,hein?E outra,italianos migraram muito ao longo da historia,que moral tem para falar de imigrantes e ainda mais hoje?Hoje a facilidade de viajar esta ai para todos e cada um reside aonde quer ou aonde tem oportunidade mediante qualificaçao.E so avisando que logo estaremos indo para a Suécia.

      O blog surgiu para questionar deslumbramentos e puxaçao de saco de quem tanto nos critica mas tampouco é muito melhor.

      Abraçao a todos.

      Excluir
    2. Só para esclarecer, eu não estou babando ovo de estrangeiro, e não preciso disso. Muito pelo contrário, não gosto de estrangeiros e não preciso de estrangeiros em meu Estado. Aposto que na Suécia vcs irão encontrar o mesmo tipo de comportamento, sabe por que? Porque a tal globalização, e viaje e seja feliz em outro país, é tudo conversa fiada, mentirinha contada pelas corporações para vender seu produto. A prova é a própria União Européia, onde o Euro está detonando Portugal, Espanha e Grécia, e por que? Porque eles acreditaram na globalização e deixaram que governos estrangeiros mandassem nos seus países, e agora estão com seus produtos de qualidade inferior encalhados, enquanto produtos alemães e franceses, melhores, acabam saindo mais barato pois não tem restrições, pois esses produtos não são mais "estrangeiros", são todos da zona do euro. O mesmo acontece com pessoas, pode ser que vcs sejam mais qualificados que os nacionais da Itália e até da Suécia, mas quem se importa? Se vcs estão tirando o emprego dos locais, vcs sempre serão vítimas de preconceito. E quanto ao ódio aos Romenos, é algo abominável, sim, mas isso é um choque cultural, não existe preconceito contra nordestinos em SP? Para mim, vcs são ingênuos, e não é me ofendendo, me chamando de puxa-saco de estrangeiro, sem nem me conhecer, que vcs irão ver a realidade que lhes cerca. O ser humano se protege com o nacionalismo, sempre foi assim e sempre será. Obrigado.

      Excluir
    3. Para complementar quero dizer que os imigrantes que vieram para o Brasil, o fizeram porque estavam na M. em seus países, mas sempre foi a CONVITE do Governo Brasileiro, que recrutava trabalhadores em países europeus porque queria mão-de-obra qualificada e branca. Ou seja, o racismo não é exclusividade desse ou daquele país. E, talvez vcs também descendam desses mesmos imigrantes que vc criticou, ou vcs são Índios puros? Ou negros puros? Mesmo que vcs sejam mestiços terão grande parte de seu sangue de origem europeia, e mesmo muitos que se declaram negros, deveriam fazer um exame genético para saber sua verdadeira origem, pois é inconcebível que os negros "desbotados" do Brasil, não tenham sangue europeu misturado. E caso vcs sejam brancos, então estão cuspindo na terra de seus antepassados, a Europa. E se o Brasil é um país que baba ovo de estrangeiro, agradeça entre outros a Rede Globo, com suas novelas e reportagens com mensagens subliminares ou totalmente expostas sobre as "maravilhas" dos países estrangeiros. A não ser que seja a Argentina, pois aí devido a rivalidade e por a Argentina ter impedido o expansionismo brasileiro no sul do continente, então no Brasil só se fala mal daquele país, mas isso para vcs não deve ser preconceito, não é mesmo, afinal eles são só Argentinos.

      Excluir
    4. E, finalmente, quero lembrar que boa parte da péssima imagem que o Brasil e principalmente a mulher brasileira tem no exterior, é devido ao teu "Rio maravilha". Afinal é de lá que vem o carnaval de bunda de fora, é de lá que vem o Governo Estadual fazendo todo tipo de campanha no exterior para atrair mais turistas (olhe no you tube). É de lá que vem a cultura do "malandro" que mais uma vez foi revivida pelo Governo naqueles oito minutos brasileiros no encerramento da última Olímpiada. E por aí vai.

      Excluir
    5. Turismo sexual existe na Argentina também...
      as argentinas adoram acolher gringos endinherados...
      italianos não podem aproveitar...a Italia moderna é um país pobre, mas com alta renda per capta e IDH.

      Excluir
    6. Pois é eu escrevi o primeiro posts e as respostas de 2 de setembro, mas ainda não recebi a tréplica do blog. Se começou a briga, continua ou se entregue. Se criou o blog e não queria criticas, não deveria ter criado.

      Excluir
  10. A lei italiana só admite acolher descendente de italianos...
    povo que exportou tantos imigrantes quer barrar imigrantes...
    coisa de fascista mesmo!o meu é sempre melhor!
    eta povo chato

    ResponderExcluir
  11. Nao, no Brasil nao existe racismo.


    http://www.economist.com/node/21563288

    A reportagem destaca que o Brasil tem a quarta maior população carcerária do mundo, em números absolutos, atrás apenas de Estados Unidos, China e Rússia. Mas fica em segundo lugar, entre os países analisados, quando o número de presos é comparado com o de habitantes. De acordo com o Centro Internacional para Estudos Prisionais, da Universidade de Essex, da Inglaterra, havia 251 presos para cada grupo de 100 mil habitantes no Brasil em 2011. Eram 515 mil presos em todo o país ano passado ante os 90 mil registrados em 1990.

    A revista cita estatísticas que revelam que dois terços dos presos brasileiros são negros e não concluíram sequer o ensino primário e 95% deles são pobres. Destaca, ainda, que quase metade dos presos brasileiros não tem sentença dada pela Justiça e que a “situação é tão caótica” que alguns deles não são libertados nem quando terminam de cumprir a pena.

    Apesar disso, o país dá sinais de avanço, segundo a publicação inglesa. Entre os exemplos citados, estão a libertação de 22,6 mil presos após uma avaliação de 300 mil casos pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a construção de unidades de segurança máxima afastadas. A reportagem destaca, ainda, um decreto de 2011, do governo federal, que proíbe a prisão preventiva de réus primários acusados de crimes menores e a aprovação, pelo Congresso Nacional, de uma lei que dá aos presos um dia de folga a cada 12 horas dedicadas ao estudo ou trabalho.

    Segundo o relatório Conselho Estadual de Direitos Humanos da Paraíba, um amontoado de 80 homens nus dividia espaço numa cela com fezes flutuando em poças de água e urina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, volta pra tua Italia, se lá é tão melhor!

      Excluir
  12. É o que sempre digo... Antes de criticar a Itália dos meus avós, eu olho para o Brasil dos meus pais, e vice-versa. Existem diferenças entre entre ambos, mas os problemas que aqui são relatados e depostos contra a Itália também existem no Brasil, e no Brasil, existem outros ainda piores. Como o preconceito a diferença está em como ele ocorre.

    ResponderExcluir
  13. Em uma semana dramática para a Itália, em que o Presidente emergiu das sombras do que é muitas vezes mais de um papel de figura de proa, tornar-se o farol de política da nação e bússola moral, ele também teve tempo para identificar uma área clara da vida italiana na necessidade desesperada de reforma. Como ele tenta levantar o país de joelhos, administração de Mario Monti de professores universitários e membros do estabelecimento católico não tem motivos para ignorar a lógica do argumento do Presidente, ou ser paralisada pelo medo de perder o consenso e a próxima eleição.Os italianos, entretanto, podem também considerar onde seus melhores interesses mentira: nos filhos de imigrantes comunidades, made in Italy, comprometeram-se a seu país e que falam o dialeto romano, Venetian e Napolitano, ou em um racismo reacionário e populista, tentando prender de volta a maré e o vento de mudança.Itália, levando atletas negros e segunda geração terá um papel significativo neste processo inevitável da mudança. Entretanto, necessitarão apoio político para maximizar o seu potencial para acelerar a passagem do país através de suas dores de crescimento multirraciais. Sem isso, a estrada será longa. Mas em seu desafio de conciliar o medo e esperança, necessidades e interesses, Balotelli, o primeiro jogador negro a pontuação para a Itália, o país tem um wild card no sentido mais positivo.

    ResponderExcluir
  14. Este artigo foi modificado em 24 de novembro de 2011. Ele originalmente afirmou que Balotelli tinha um sotaque de Bergamasco. Isso foi corrigido

    ResponderExcluir
  15. racismo na Italia...

    ResponderExcluir
  16. mesmo passando fome no desemprego, recessão, deficit público,divida externa record...

    ResponderExcluir
  17. Jogo entre Milan e Roma é marcado por ofensas racistas a Balotelli.


    O Milan se envolveu em outro caso de racismo no começo do ano, quando o meia Boateng decidiu abandonar o amistoso contra o Pró Patria e foi seguido pelos companheiros por conta de ofensas racistas da torcida adversária.

    Com a bola rolando, o Milan tinha a chance de se garantir na próxima edição da Liga dos Campeões da Europa com uma rodada de antecedência caso vencesse o duelo.

    Mas o empate sem gols deixou a vaga em aberto para a última rodada. Com 69 pontos, o Milan depende das suas forças para ficar com a vaga. A Fiorentina tem 67 pontos e ainda sonha com a classificação


    A partida entre Milan e Roma valia vaga na Liga dos Campeões para o time rubro-negro, mas ficou mesmo marcada por mais um caso de racismo. O alvo foi o atacante Balotelli e o jogo ficou paralisado por alguns minutos na etapa final até que a torcida da Roma parasse de ofender o jogador. O duelo terminou 0 a 0.

    Balotelli reclamou dos gritos imitando um macaco e chegou a fazer o sinal de silêncio na saída para o intervalo. O árbitro Gianluca Rocchi atendeu os pedidos e paralisou a partida até que as ofensas racistas terminassem.

    ResponderExcluir

Seja bem vindo e volte sempre para postar.Seja educado que as pessoas serao educadas com voce.Manifestos racistas e xenofobos nao serao bem recebidos.Argumente com fatos e aprenda a aceitar a opiniao dos outros.

Druida e Maga.