segunda-feira, 21 de março de 2016

O que é fascismo? Fatos sobre o fascismo



Quando eu era um adolescente ignorante e apoiava o PT (sim, eu fui um destes imbecis) eu achava que tudo era fascismo. Meus professores me doutrinavam e eu, inocentemente acreditando que eles queriam um mundo melhor, repetia como um papagaio. Se discordava dos meus professores e do partido, era um fascista.

Depois de viajar e muito aprender, notei que era um imbecil, um cérebro lavado e fui me educar sobre alguns assuntos. Quando morei na Itália ( mais de dez anos) me dediquei a estudar um pouco sobre este assunto em especial e acho que muitos brasileiros e brasileiras merecem saber mais sobre isso.

O termo fascista é hoje pejorativo e mal empregado propositalmente; um adjetivo frequentemente utilizado para se descrever qualquer posição política da qual o orador esquerdista não goste.  Não há ninguém no mundo atual propenso a bater no peito e dizer "Sou um fascista; considero o fascismo um grande sistema econômico e social." 
 
A esquerda ainda hoje usa uma velha tática e repete o vocabulário para taxar o inimigo de "fascista" criada nos anos 30 do século passado por Willi Münzenberg para camuflar a colaboração secreta da URSS com o governo de Hitler, que culminaria na invasão conjunta da Polônia. Eu, era um deste ignorantes que acreditava que o comunismo iria nos salvar do fascismo. Mas fui salvo deste mal.

Origens do fascismo

O fascismo está ligado à história da política italiana pós-Primeira Guerra Mundial.  Em 1922, Benito Mussolini venceu uma eleição democrática e estabeleceu o fascismo como sua filosofia.  Mussolini havia sido membro do Partido Socialista Italiano.

O fascismo é um sistema totalitário aonde o governo coloque as mãos em tudo, interfira qualquer ato e em qualquer coisa. Onde o governo é acima das pessoas e da liberdade individual sempre escolhendo tudo e interferindo em tudo.
Totalitarismo (ou regime totalitário) é um sistema político no qual o Estado, normalmente sob o controle de uma única pessoa, político, facção ou classe social, não reconhece limites à sua autoridade e se esforça para regulamentar todos os aspectos da vida pública e privada, sempre que possível.

Cquote1.svg "Tudo no Estado, nada contra o Estado, nada fora do Estado.” Cquote2.svg
expressão consagrada por Benito Mussolini
  
Exemplos: mais impostos, mais regulamentação, mais leis para limitar escolhas, mais ajuda do governo ao invés de pregar a liberdade individual, etc. Aquele imposto que aumentou ao você usar uma compra é fascismo. Aquela ajuda que o governo decidiu que vai dar sem saber se você quer é fascismo. Aquele burocracia que impede alguém de abrir um negocio é fascismo. O governo decide quem pode comer açúcar, sal ou não é fascismo.

 Todos os maiores e mais importantes nomes do movimento fascista vieram dos socialistas.  O fascismo representava uma ameaça aos socialistas simplesmente porque era uma forma mais atraente e cativante de se aplicar no mundo real as principais teorias socialistas.  Exatamente por isso, os socialistas abandonaram seu partido, atravessaram o parlamento e se juntaram em massa aos fascistas.

Sim, existe um grande ele entre fascismo, socialismo e comunismo (Todos são totalitários). Todos estes sistemas são contra a liberdade econômica, liberdade do indivíduo, o livre mercado e o capitalismo.  O nacionalismo socialista (nazismo) de Hitler anda de mãos dadas ideologicamente e teoricamente com o fascismo e comunismo. 

Qual o principal elo entre o fascismo, socialismo e comunismo?  Todos são etapas de um continuum que visa ao controle econômico total, um continuum que começa com a intervenção contra o livre mercado, avança até a arregimentação dos sindicatos e dos empresários, cria leis e regulamentações cada vez mais rígidas, marcha rumo ao socialismo à medida que as intervenções econômicas vão se revelando desastrosas e, no final, termina em ditadura. 

Interessante notar como os italianos influenciaram a política brasileira com idéias demoníacas como o fascismo, comunismo e teorias gramscianas que infelizmente ainda hoje são pregadas na sociedade mas maquiadas com outras palavras. 

Para saber mais: http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1343 
                            http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=98 

2 comentários:

  1. Qual é o intuito de um website que nao permite o debate aberto, é completamente ridículo!

    ResponderExcluir

Seja bem vindo e volte sempre para postar.Seja educado que as pessoas serao educadas com voce.Manifestos racistas e xenofobos nao serao bem recebidos.Argumente com fatos e aprenda a aceitar a opiniao dos outros.

Druida e Maga.